Remédios Caseiros

Os 20 Remédios Caseiros Para Cálculos Renais!

Os Remédios Caseiros Para Cálculos Renais são feitos de forma simples e natural. Além disso, popularmente conhecido como pedras nos rins, os cálculos renais têm também outros nomes como urolitíase, nefrolitíase e calculose urinária. Todos esses nomes caracterizam o fenômeno de cristalização dos resíduos da urina. Ou seja, cálculos renais são formados cristais (areia ou pedras) no aparelho urinário, podendo comprometer os rins, a bexiga, os ureteres ou a uretra.

O sintoma mais comum da doença é a dor intensa e aguda que é sentida quando os cristais entram em movimento. Podem começar no abdômen e terminar na região da virilha. Depois de algum tempo pode chegar a causar palpitações, enjoos e vômitos.Sangue na urina também é um dos sintomas mais comuns.

Cálculos RenaisO mais importante de tudo é tomar muito líquido, pois normalmente a formação dos cálculos renais se dá a partir de uma desidratação. Reidratando o corpo pode facilitar a eliminação espontânea dos cristais menores que 5 mm.

Se o cálculo for menor que 7 mm, existem tratamentos caseiros que podem ajudar o organismo a eliminá-lo. Mas se for maior que isso você deve procurar um médico e só ele poderá tirar o cálculo. Se sentir dores muito fortes e apresentar sangramento na urina durante o tratamento, não hesite. Procure um médico imediatamente. Confira, agora Os 20 Remédios Caseiros Para Cálculos Renais:

1. Remédio Caseiro Para Cálculos Renais Usando Boldo:

INGREDIENTES:

  • 1 colher (sopa) de folhas de boldo;
  • 1 colher (sopa) de folhas de alecrim;
  • 1 colher (sopa) flores de camomila;
  • 1 litro de água fervente.

MODO DE PREPARO:

  • Acrescentar na água fervente as plantas medicinais acima citadas, tapar e deixar repousar por cerca de 15 a 20 minutos. Em seguida coar e tomar de 4 a 5 xícaras deste chá por dia.
  • O boldo possui propriedades diuréticas, o alecrim possui propriedades anti-inflamatórias e a camomila possui propriedades calmantes. Juntos, eles poderão auxiliar na remoção das pedras nos rins.

2. Remédios Caseiros Para Cálculos Renais Usando Amoreira Negra:

INGREDIENTES:

MODO DE PREPARO:

  • Colocar as folhas na água fervente e deixar repousar por 15 minutos.
  • Em seguida coar e tomar o chá 4 vezes ao dia.

A amoreira negra possui propriedade diurética que ajuda na eliminação das pedras nos rins.

3. Suco de Melancia Para Cálculos Renais:

Uma boa dica de suco que possui propriedade diurética e pode estimular a frequência urinária, facilitando a eliminação do cálculo renal é o suco de melancia.

MODO DE PREPARO:

  • Usar 2 xícaras de melancia e meia xícara de água.
  • Colocar os ingredientes no liquidificador, bater e em seguida adoçar e tomar 1 copo de 3 em 3 horas.

4. Chá de Sementes de Aipo Para Cálculos Renais:

INGREDIENTES:

  • 1 colher de sopa de sementes de aipo moídas;
  • 1 xícara de água quente.

MODO DE PREPARO:

  • Coloque as sementes de aipo em um copo e despeje a água quente sobre elas;
  • Deixe o chá esfriar;
  • Coe e beba;
  • Tome este chá uma vez por dia;
  • Repita três vezes por semana.

5. Remédios Caseiros Para Cálculos Renais Com Chá de Dente de Leão:

INGREDIENTES:

  • 1 a 2 colheres de chá de folhas secas de dente de leão;
  • 1 xícara de água quente.

MODO DE PREPARO:

  • Adicione as folhas secas à água quente e deixe repousar por 10 a 15 minutos.
  • Coe e beba o chá.
  • Tome de 2 a 3 xícaras de chá de dente de leão durante o dia.

Calculo Renal6. Remédios Caseiros Para Cálculos Renais Com Água de Cebola:

INGREDIENTES:

MODO DE PREPARO:

  • Corte a cebola e coloque dentro de um copo com água.
  • Deixe repousando à noite.
  • Na manhã seguinte, ao se levantar, em jejum, beba esta água.
  • Retire a cebola antes. É para beber somente a água.

7. Suco de Melancia Para Cálculos Renais:

INGREDIENTES:

  • 2 xícaras de
  • melancia;
  • meia xícara de água.

MODO DE PREPARO:

  • Colocar os ingredientes no liquidificador;
  • Bater e em seguida adoçar;
  • Tomar 1 copo de 3 em 3 horas.

8. Chá de Salsinha Para Cálculos Renais:

INGREDIENTES:

  • 50 gramas de salsinha picada;
  • 1 litro de água.

MODO DE PREPARO:

  • Coloque os ingredientes numa panela e deixe ferver por cerca de 5 minutos.
  • Apague o fogo, tampe a panela, deixe esfriar e depois coloque na geladeira.

9. Remédios Caseiros Para Cálculos Renais Usando Chá de Cabelo de Milho:

INGREDIENTES:

  • 1 colher (sopa) de alcachofra;
  • 1 colher (sopa) de cabelo de milho;
  • 1 colher (sopa) de cana do brejo;
  • 1 litro de água.

MODO DE PREPARO:

  • Junte as ervas com a água e leve ao fogo.
  • Assim que começar a ferver, desligue e tampe o recipiente.
  • Mantenha abafado por 10 minutos, coe e está pronto para o consumo.
  • Tomar de 3 a 4 xícaras do chá durante o dia, morno ou gelado.

10. Remédios Caseiros Para Cálculos Renais Usando Chá de Quebra Pedra:

INGREDIENTES:

MODO DE PREPARO:

  • Em uma panela, deixe a água ferver e, depois que levantar ebulição, coloque as folhas.
  • Mantenha no fogo por mais 5 minutos e desligue.
  • Consumir todo o chá preparado ao longo do dia.
  • Coloque em uma garrafa na geladeira e vá tomando aos poucos.

Agora, Confira outras Dicas Para Prevenir Cálculos Renais:

  • Beba muita água: O fator de risco número um para a formação de cálculo renal é não beber água o suficiente. Simplesmente porque haverá maiores concentrações das substâncias, que podem formar pedras. Uma forma bem fácil de constatar se você está bebendo o suficiente é observar a cor de sua urina, que deverá ser um amarelo claro.
  • Evite alimentos ricos em oxalatos: Os alimentos ricos em oxalatos são ruibarbo, beterraba, espinafre (cru), queijo cheddar, batata doce, nozes, chá, chocolate, e soja e derivados.
  • Recomenda-se esta dica de como prevenir pedra nos rins especialmente para aqueles que têm pedras formadas por oxalato de cálcio, ou propensão.
  • Dieta pobre em sal e proteína animal: Reduza a quantidade de sal que você consome, e alimente-se de fontes de proteína não animais, como legumes, e substitua o sal por temperos.
  • Evite açúcar, frutose e refrigerantes: Uma dieta rica em açúcar pode iniciar o processo de formação de cálculo renal O açúcar interfere nas relações minerais do corpo, inclusive na absorção de magnésio e cálcio. O consumo de açúcares não saudáveis e refrigerante pelas crianças é um fator determinante, e explica porque crianças de 5 a 6 anos hoje estão começando a desenvolver pedras nos rins.
  • Ingestão de cálcio (Cuidado com os Suplementos): Os suplementos de cálcio, quando ingeridos em excesso, estão ligados ao risco do aumento de pedras nos rins, porque o corpo só é capaz de absorver 500 mg de cálcio por refeição.
  • Ingerir mais do que o necessário, seja na forma de suplemento, ou pelos alimentos, pode desenvolver pedras. Os suplementos também não devem ser ingeridos com alimentos ricos em ferro, como fígado e espinafre, por razões de absorção diferenciada do organismo.

Remédios Caseiros Para Cálculos Renais

  • Quantidade adequada de magnésio: O magnésio é responsável por mais de 300 reações bioquímicas no corpo. A deficiência desse mineral está ligada à pedras nos rins. Ele também exerce uma papel importante na absorção e assimilação de cálcio, de forma que se você consumir muito cálcio, sem a quantidade correspondente de magnésio, o excesso de cálcio pode, de fato, se tornar tóxico e contribuir para condições de saúde como pedras nos rins. O magnésio impede que o cálcio se combine com o oxalato que é o tipo de pedra mais comum encontrada nos rins.
  • Evite soja não Fermentada: Os grãos de soja ou alimentos derivados da soja podem promover pedras nos rins naqueles que têm suscetibilidade, porque ela pode conter altos níveis de oxalato. Se você estiver interessado em se aprofundar sobre os benefícios da soja para a saúde, escolha soja fermentada, porque após um longo processo de fermentação, o fitato (que bloqueia a ingestão de minerais essenciais) e os níveis de anti-nutrientes dos grãos de soja (incluindo oxalatos) são reduzidos, e suas propriedades benéficas se tornam disponíveis para seu sistema digestivo.
  • Exercícios:  O sedentarismo por períodos longos pode levar à formação de pedras, pois, em parte, a atividade limitada pode fazer com que os ossos liberem mais cálcio. Os exercícios também auxiliam a solucionar problemas de alta pressão arterial, uma condição que duplica o risco de pedras nos rins.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

2 comentários

Deixe um comentário