Os 15 Remédios Caseiros Para Hipoglicemia!

Os Remédios Caseiros Para Hipoglicemia que você precisa conhecer. Além disso, a hipoglicemia é caracterizada pela falta de energia do cérebro que é causada pela baixa concentração de açúcar no sangue, podendo ocorrer em qualquer pessoa, sendo ela comum, sem nenhuma doença aparente ou em pessoas portadores de diabetes, claro que a hipoglicemia é mais comum em diabéticos.

Remédios Caseiros Para Hipoglicemia

É fácil identificar os sintomas da hipoglicemia, pois ao contrario de outras doenças, ela não possui sintomas silenciosos, que são difíceis de serem sentidos, mas ela apresenta sintomas fáceis de serem identificados, alguns deles são: tonturas, visão turva ou conturbada, suor frio, tremores, confusão mental, coração acelerado e dificuldades em falar.

As causas da hipoglicemia também são simples, assim como seus sintomas e são elas: ficar muito tempo sem comer, ingerir grande quantidade diária de bebidas alcoólicas, fazer exercícios físicos exagerados e comer grande quantidade de doces e carboidratos podem desencadear a hipoglicemia nas pessoas.

Ao identificar a hipoglicemia como doença o paciente deve tomar diariamente um remédio receitado pelo médico e caso sinta-se mal, como tendo tonturas e tremores, o paciente e quem estiver por perto pode fazer remédios simples que retardam os efeitos da hipoglicemia.

Oferecer um bombom de chocolate, ou uma xícara de café com duas colheres de açúcar ou um pão francês ou um copo de coco – cola original pode fazer rapidamente que o portador de hipoglicemia volte a se sentir bem.

Alguns remédios e tratamentos caseiros são indicados para quem sofre deste mal e algumas receitas de remédios estão listadas abaixo:

Sintomas de Hipoglicemia:

  • Tremores.
  • Suor.
  • Taquicardia.
  • Dor de cabeça.
  • Falta de concentração.
  • Zumbido.
  • Irritabilidade.
  • Ansiedade.
  • Fadiga.
  • Visão turva.
  • Desmaio.
  • Nervosismo.

Esses sintomas sempre melhoram consumindo algum carboidrato simples. O tratamento da hipoglicemia se baseia em manter estáveis os níveis de açúcar no sangue e cuidar do pâncreas. Agora, veja Os 15 Remédios Caseiros Para Hipoglicemia.

1. Remédios Caseiros Para Hipoglicemia com Alcaçuz e Dente de Leão:

Ingredientes:

Modo de Preparo:

  • Ferva a água e coloque as ervas.
  • Deixe amornar por aproximadamente 15 minutos e coe.
  • A recomendação de consumo é de 3 xícaras deste chá por dia, nos lanches.

2. Remédios Caseiros Para Hipoglicemia com Cenoura e Abacaxi:

Lave e corte uma Cenoura e coloque no liquidificar junto com uma fatia de Abacaxi picada e um pouco de água. A recomendação é de um copo desta mistura por dia.

3. Remédios Caseiros Para Hipoglicemia com Raiz de Alcaçuz:

Remédios Caseiros Para Hipoglicemia

A raiz de alcaçuz é um bom remédio natural para aliviar os sintomas da hipoglicemia, já que ajuda a aumentar os níveis de açúcar no sangue no corpo. Corte a raiz em pedaços e adicione a água fervente e deixe em infusão por cinco minutos, antes de beber, pelo menos uma vez ao dia.

A raiz de alcaçuz também alivia o Estresse relacionado com os baixos níveis de açúcar no sangue, mas as pessoas com pressão alta devem evitar esse remédio natural, já que a planta pode potencializar o problema. Ela deve ser usada em quantidade moderada.

4. Remédios Caseiros Para Hipoglicemia com Maçã:

As Maçãs são muito eficazes no tratamento de pessoas com baixo teor de açúcar no sangue, pois são ricas em cromo e Magnésio, conhecidos por regular esse nível. Duas Maçãs devem ser consumidas após a refeição, todos os dias, para obter melhores resultados.

5. Remédios Caseiros Para Hipoglicemia com Salsa:

Este tempero auxilia na melhora das funções do fígado e do pâncreas, tornando-se uma cura natural muito eficaz para a hipoglicemia. O suco extraído das folhas de Salsa, quando consumido diariamente, tem um efeito rejuvenescedor nesses órgãos. Além disso, o chá feito com as folhas de Salsa também consuma ter ótimos resultados.

6. Remédios Caseiros Para Hipoglicemia com Sementes de Girassol:

As sementes de girassol são uma rica fonte de polifenóis, que removem os oxidantes destrutivos do fígado e do pâncreas. Em particular, o ácido clorogênico promove a síntese de glicogênio no fígado, e é muito benéfico na regulação dos níveis de açúcar no sangue. As sementes de girassol devem ser consumidas in natura ou em pó, e podem ser adicionadas a um copo de água.

7. Remédios Caseiros Para Hipoglicemia com Sementes de Abóbora:

As sementes de abóbora são uma rica fonte de vários micronutrientes, como Ferro, Magnésio e Manganês. Sabe-se também atuam na regulação do funcionamento do rim, o que mantém o nível de açúcar no sangue e é eficaz no tratamento da hipoglicemia. O pó de sementes de abóbora deve ser misturado em um copo de leite ou água morna e ser consumido todos os dias.

8. Remédios Caseiros Para Hipoglicemia com Inhame Selvagem:

Inhame selvagem é uma cura natural muito eficaz para baixo nível de açúcar no sangue, uma vez que controla o nível de insulina no corpo, aumentando assim o nível de açúcar no sangue. Deve ser fervido em água e deixado por uma hora antes de beber. A raiz em pó pode ser adicionada ao leite ou um copo de água morna e consumida.

9. Remédios Caseiros Para Hipoglicemia com Melaço:

Extrato de melaço fornece a glicose necessária durante um esforço necessário. Tome um pouco de melaço e adicione a um copo de água morna, beba pelo menos, duas vezes por dia para melhorar o nível de açúcar no sangue.

10. Remédios Caseiros Para Hipoglicemia com Raiz do Dandelion:

Contém grandes quantidades de Cálcio, o que ajuda no bom funcionamento do pâncreas e fígado, que ajuda a manter os níveis de açúcar no sangue corretos. Misture o pó em um copo de leite ou água quente, tome esta mistura diariamente para obter melhores resultados.

11. Remédios Caseiros Para Hipoglicemia com Tomate:

Tomate  contém licopeno, que é um potente antioxidante que ajuda na melhora do funcionamento do fígado e pâncreas. Sumo de Tomate , duas vezes por dia, durante duas semanas, é muito eficaz para aliviar desordens pancreáticas que causam o baixo açúcar no sangue. Tomate s frescos também podem ser incluídos na dieta para obter melhores resultados.

Sementes de girassol são uma rica fonte de polifenóis como o ácido clorogênico, ácido caféico e ácido quínico que ajudam a remover oxidantes destrutivas do fígado e pâncreas. Em particular, o ácido clorogênico promove a síntese de glicogênio no fígado e é muito benéfico na regulação dos níveis de açúcar no sangue. Sementes de girassol pode ser consumidas em forma bruta ou pode ser pulverizadas e adicionadas à á

12. Remédios Caseiros Para Hipoglicemia com Raízes de Genciana:

Remédios Caseiros Para Hipoglicemia

É a cura natural muito útil para baixo açúcar no sangue, uma vez que aumenta o nível de açúcar no corpo. Pegue raízes de genciana e mergulhe em água fervente e beba duas vezes por dia.

13. Remédios Caseiros Para Hipoglicemia com Cevada:

Cevada é um alimento de primeira linha para pacientes com diabetes tipo 2 ou pessoas diagnosticadas com baixa de açúcar no sangue. A Cevada é uma fonte rica de minerais essenciais, vitaminas e fibras dietéticas. Contém Magnésio e beta-glucano que ajudam na regulação da absorção de glicose no sangue.

14. Consuma Alimentos Ricos em Vitamina B3:

A vitamina B3 (Niacina) é benéfica na regulação do nível de açúcar no sangue em pessoas com hipoglicemia. Alimentos ricos em vitamina B3 incluem Atum, salmão, carne de veado e peito de frango.

15. Consuma Alimentos Ricos em Fibras Dietéticas:

Fibras dietéticas permitem que os açúcares sejam absorvidos mais lentamente, o que regula a glicose no sangue. Pessoas com baixo açúcar no sangue devem consumir cerca de 25-40 g de fibra dietética por dia. Farelo de Aveia, por exemplo, é rica em fibras.

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

INFORMAÇÃO DO AUTOR: Wanessa Matos

Drª. Wanessa Matos
Dermatologista formou-se em Medicina na Unicamp e na mesma instituição realizou sua residência em Dermatologia, obtendo o título de especialista. Atua nas áreas de dermatologia clínica, cirúrgica e estética. Além disso, é sócio titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia, com registro no Conselho Regional de Medicina e Associação Médica Brasileira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *